As cidades mais magnéticas do mundo

July 24, 2017

 

As cidades mais "magnéticas" do mundo! 

 

O Global Power City Index (GPCI) classifica as cidades mais importantes do mundo de acordo com seu "magnetismo", ou seja, seu poder de atrair pessoas criativas e empresas de todo o mundo e "mobilizar seus ativos" para impulsionar o desenvolvimento econômico, social e ambiental.

 

O Índice, compilado pelo Instituto de Estratégias Urbanas do Mori Memorial Foundation do Japão, analisa os pontos fortes e fracos de 42 cidades globais com base em seis critérios: 
- economia; 
- pesquisa e desenvolvimento; 
- interação cultural; 
- habitabilidade; 
- meio Ambiente; e 
- acessibilidade.

 

Londres e Nova Iorque estão nos 1º e 2º lugares, respectivamente, há muitos anos. Sendo que, Tóquio superou Paris e agora ocupa o 3º lugar.

 

O estudo mostrou que a "interação cultural" em Londres melhorou com a desvalorização da Libra após o Brexit, afinal com a moeda mais barata, aumentou o número de turistas.

 

Já Nova Iorque teve uma melhora na "economia" refletindo o momento econômico dos Estados Unidos e a perspectiva de investidores com as políticas do presidente Donald Trump.

 

Tóquio ultrapassou Paris no 3º lugar pois teve uma melhora considerável em seus índices, incluindo redução nos impostos das corporações do Japão, um aumento no número de visitantes do exterior e conexões de vôos mais diretas para destinos no exterior.

 

Paris perdeu muitos pontos em interação cultural após atentados terroristas e uma maior abertura das fronteiras do país para imigrantes "refugiados" o que diminuiu o número de turistas e estudantes estrangeiros.

 

A única cidade brasileira no Estudo é São Paulo na 38ª colocação, atrás, por exemplo, de Bangkok na Tailândia. 

 

Com o estudo podemos perceber como cidades se desenvolvem econômica e socialmente com políticas governamentais voltadas para facilitação de negócios e investimentos e, principalmente, com menor intervenção estatal na economia - e basta ver as demais cidades que compõem o Top10 do ranking.

 

Ou seja, políticas que não vemos no Brasil, logo, será difícil alguma cidade brasileira subir nesse ranking. 

 

Fonte: Fórum Economico Mundial

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

8 meios de medir a atividade econômica nos Estados Unidos

August 17, 2020

1/5
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2017 by ANDRADE CÂMARA

  • Instagram
  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter Social Icon